FRACASSOS DE SUCESSO

Sabemos que empreender não é uma tarefa fácil, principalmente no Brasil. Muita burocracia, falta de conhecimento para gerir o caixa e a escolha de profissionais inadequados ao seu tipo de negócio estão entre os desafios de manter um negócio funcionando. Segundo uma pesquisa feita pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em 2016, 648,5 mil empresas foram abertas, enquanto 719,6 mil foram fechadas no país.

Mas, engana-se quem pensa que ter tido um empreendimento que não foi para frente é sempre negativo. Muito empreendedores utilizaram os ensinamentos em empresas que não deram certo como lição na construção do seu próximo negócio. E não é que funcionou? Aqui na PiaR, temos clientes de segmentos distintos que fizeram do seu “fracasso” uma alavanca para o sucesso e hoje veem suas startups se destacando no seu setor de atuação.

Um desses casos é o do Edu, CEO da Zeeng, primeira plataforma de Big Data Analytics voltada para as áreas de marketing e comunicação do mercado brasileiro. Anteriormente, ele foi sócio fundador de uma outra empresa e por motivos de saúde teve que deixar o projeto. Porém, essa experiência foi positiva para que aprendesse na prática alguns conceitos e aplicasse na Zeeng, sendo que nos anos 2016 e 2017 foi vencedor do prêmio ABCOMM como melhor profissional de social media do mercado brasileiro.

Outro exemplo é o da Tati Pezoa, CEO da Trustvox. Em 2008, ela abriu uma produtora de campanhas para mídias sociais, mas no momento que ela criou um determinado produto para expandir os serviços, mas faliu. Foi então que em 2010, ela criou, junto com o seu sócio uma plataforma de perguntas pela internet, mas também não deu certo.

Nesse momento, ela pensou em voltar para o mercado de trabalho, mas não tinha experiência, por isso que ela decidiu empreender novamente. Foi neste instante que ela encontrou uma pesquisa que mostrava que os reviews no e-commerces ajudavam na tomada de decisão de compra das pessoas. A partir disso, ela teve a ideia de criar a Trustvox, com o objetivo de assegurar a veracidade de reviews no Brasil, atuando com o propósito de tornar a sinceridade padrão de mercado no e-commerce e, por consequência, gerar cada vez mais vendas aos comerciantes. E o resultado disso? Sucesso!

Por fim, temos a história do Leandro Menezes, um dos sócios da Promobit, rede social que reúne os melhores cupons e descontos do e-commerce brasileiro. Ele começou sua trajetória empreendedora como sócio da agência Criativy Design. Entre um job e outro, ele e outros quatro sócios tiveram a ideia de criar um negócio de compras coletivas, nos moldes de Peixe Urbano, que até então não existia.

Porém, após um MVP de sucesso, o grupo não conseguia entrar em um acordo sobre qual caminho a empresa deveria seguir. Por fim, decidiram dividir tudo entre os cinco e encerrar o negócio. Após o acontecido, Leandro aprendeu uma lição valiosa, o alinhamento de visão entre os sócios é um dos componentes mais importantes para o sucesso em uma empresa, lição essa que não repetiu no comando do Promobit. 

Portanto, ter um negócio que não deu certo pode ser uns dos principais ingredientes para o sucesso do seu próximo empreendimento. O que vale, neste universo louco do empreendedorismo, é ser resiliente e aprender com os erros! E você, tem alguma história de negócio que deu errado e contribuiu para o sucesso de uma nova empreitada?

*Bruna Sant’Anna Froner é Relações Públicas formada desde 2009 pela Universidade Metodista de São Paulo, com pós-graduação em Marketing e Comunicação Integrada pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Com 10 anos de experiência em Assessoria de Imprensa, já atuou na comunicação de empresas de diversos segmentos e atualmente é Gerente de Equipe na PiaR Comunicação.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: