Ir para conteúdo

NÃO APENAS DE COVID VIVE A COMUNICAÇÃO

Chegamos ao final de Abril e ainda não sabemos o que nos espera nos próximos meses. Se olharmos o comportamento da China e outros países da Europa, ainda teremos algum tempo de enfrentamento dessa pandemia, até que a curva de infecções seja, de fato, reduzida. Até lá, teremos que aprender a conviver com esse vírus.

No mundo da comunicação, passamos por momentos em complicados. Isso porque, em meados de março, quando tudo estourou no Brasil, praticamente 100% de toda a mídia brasileira queria apenas fazer matérias sobre esse tema. Ou seja, todas as pautas e planejamentos sobre inovação, tecnologia, novos negócios e etc, que tínhamos criados, caíram por terra e não foram aproveitados.

Para não deixarmos nossos clientes de fora, tivemos que pivotar, em tempo recorde, todas as pautas e ganchos de cada startups e agente de inovação que atendemos, para algo que estivesse, de alguma forma, correlacionado com o CORONA VÍRUS. Tarefa nada fácil!

No começo de Abril, começamos a notar uma brechinha na mídia que, claro, continua fazendo seu papel de nos informar, a todo tempo, sobre os números da pandemia, mas que agora amplia, mesmo que pouco, seu olhar para outras temáticas.

Conseguimos, aos poucos, retomar pautas que abordem negócios, empresas, como ganhar escala, gerenciamento de times e outras verticais, de maneira ainda tímida, mas caminhando. Por isso, acredito que pouco a pouco as coisas irão se “normalizar”.

Ou seja, voltaremos a conseguir pautar a mídia sobre todas as inovações e tendência que nossos clientes entregam. Será exatamente da mesma forma?! Não, tenho certeza que não. Mas quero acreditar que será melhor do que tem sido até hoje.

*Por Renniê Paro

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: