CONCILIANDO A EMPRESA COM A SALA DE AULA

A educação sempre esteve presente no ecossistema de inovação. Compartilhar e adquirir conhecimento é uma característica marcante nos empreendedores. Com isso, vemos muitos deles participando de programas de mentorias, palestras, lives nas redes sociais, webinars com o objetivo de ajudar e orientar aqueles que estão iniciando um negócio.

Mas, não para por aí. Há ainda empreendedores que, além de desempenhar a sua função dentro de suas empresas, também exercem um papel importante nas salas de aulas. Temos visto que, muitos deles, têm se dedicado a lecionar em escolas e faculdades sobre assuntos que dominam. Porém, como toda e qualquer atividade, ela exige muita dedicação, perseverança, empenho e estudo, quase que em período integral. Diante de tantas atribuições, como é possível conciliar a jornada empreendedora com a arte de professorar?

Simples. Com tantas habilidades em comum, há duas características que se destacam. Entre elas está o desejo de ensinar/ajudar ao próximo e o amor/paixão por suas profissões, peça chave para o sucesso de qualquer atividade. Confira abaixo dois exemplos de profissionais que possuem experiência nessa dupla jornada.  

O Eduardo Prange, CEO da Zeeng, é professor de Marketing digital na FURB, Universidade de Blumenau e da disciplina de gestão de clientes digitais na Universidade para o Desenvolvimento do Alto Vale do Itajai (Unidavi).

Seu chará, Eduardo Tardelli, é CEO da upLexis, também é um mestre e Membro da Associação Brasileira de LawTechs e Legaltechs e já atuou como professor universitário em cursos de MBA e pós-graduação em matérias de Gestão de Risco, Compliance e Tecnologia Aplicada à Due Diligence, Background Check e Investigações baseadas em dados e informações digitais da Universidade Presbiteriana Mackenzie.

Empreender e lecionar são duas tarefas muito difíceis, mas temos bons exemplos de profissionais que desempenham essa dupla jornada de forma admirável! Acompanhar de perto esses especialistas nos faz entender que o trabalho é exaustivo, constante e ao mesmo tempo muito gratificante, mas é preciso muita organização e planejamento para realizar essas atividades com maestria.

*Por Gabriela Calencautcy

Publicado por

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.