O PROPÓSITO DE FELICIDADE VAI DEIXAR MESMO O CLIENTE FELIZ?

Ao longo de minha atuação no mercado de assessoria de imprensa, já ouvi inúmeras vezes pedidos relacionados a mensuração de retorno em relação ao um trabalho de PR. A verdade é que ainda não existe um método 100% eficaz que comprove o retorno de investimento, mas muitas agências procuram entregar valor de uma outra forma – desenvolvendo suas próprias métricas de avaliação.

E aqui na PiaR, não é diferente. Sempre quando um novo cliente entra na agência, buscamos identificar o que ele espera da nossa parceria, qual seu objetivo com PR, qual público-alvo ele pretende atingir, quais são os veículos sonho que eles gostariam de sair, quais assuntos querem se posicionar, entre outros pontos. Em posse dessas informações, vamos construir ações que consigam atingir esses ideais.

Quando falamos sobre veículos sonho, por exemplo, na maioria das vezes os empreendedores respondem grandes mídias como Valor, Exame, programas de TV como Globo News e Jornal Nacional, ou até mesmo querem capa de alguma revista. Claro que nosso trabalho é sempre buscar pelo melhor resultado e traçar estratégias para que essas conquistas se concretizem, mas é preciso avaliar alguns pontos.

Em um post que fizemos nas redes sociais da PiaR, explicamos que a fase de maturação da startup, os insumos que ela tem para serem trabalhados na imprensa, o quanto já é conhecida no setor, se teremos anúncios sobre investimento ou lançamento, se podemos abrir números ou não, ou se gera um impacto significativo no mercado em que atua, são critérios que também fazem parte da construção de uma estratégia de divulgação.

Acredito que para que uma parceria dê certo, a transparência e a troca diária precisa ser uma via de mão dupla. Afinal, ambos estão ali com o mesmo propósito, gerar valor para marca, melhorar sua reputação e fazê-la ser ainda mais admirada. Nós precisamos de munição para fazer dar certo e o cliente precisa de nós para atingir seus objetivos.

Por isso, se me cabe dar um conselho, não desista se seu propósito de felicidade não for atingido no primeiro mês de trabalho. Digo isso porque existem inúmeros fatores que englobam um trabalho de assessoria de imprensa e o mega resultado nem sempre vem logo no início. Procure não criar expectativas, estar sempre alinhado com seu parceiro, estar disponível para entrevistas, ajudar com informações preciosas e palpáveis, estar aberto a novas ideias e a pivotar se for necessário. O trabalho de PR é de construção de etapa por etapa e os resultados vêm a médio e longo prazo.

Por Juliana Gusmão

Publicado por

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.