Arquivo da tag: estratégia

VOCÊ SABE QUAIS FATORES PODEM ACABAR COM SUA ESTRATÉGIA DE PR?

*Por Juliana Gusmão

Esse é um ponto bastante delicado, mas acredito ser importante o debate sobre os fatores que podem acabar com sua estratégia de PR. Quando uma empresa contrata uma assessoria de imprensa, é porque ela precisa e conta com a expertise daqueles profissionais para reforçar o branding e a reputação da marca.

Porém, não seguir à risca todos os direcionamentos e conselhos que nós assessores damos ao longo da parceria, pode ser um tiro no pé. Por que digo isso? Simples! Algumas situações, e até mesmo a postura de alguns empreendedores, podem causar um mal-estar com jornalistas.

Vou explicar melhor. Remarcar muitas vezes uma entrevista pode soar que você não está nem aí para a matéria e para o profissional que está “do outro lado do balcão”. Ou seja, ele também reservou um tempo da sua preciosa agenda para conhecer melhor seu negócio e quando desmarcarmos muitas vezes passa a percepção de falta de comprometimento e até cria uma dúvida na cabeça do profissional.

Mentir para o jornalista e passar dados que não coincidem com a realidade do seu negócio não é praticável. Isso porque ele corre atrás das informações e faz apurações para saber se aquele dado realmente está correto. Se por ventura você resolver aumentar, só um pouquinho que seja, o faturamento ou qualquer outro dado e o jornalista descobrir, além dele não dar a matéria prevista, ele também não irá te procurar mais como fonte. Falar sempre a verdade é primordial para que o relacionamento cliente/ imprensa dê certo.

Outro ponto que considero muito importante é a questão da exclusiva. Quando prometemos passar com exclusividade uma informação para o jornalista, você não pode, em hipótese alguma, postar a notícia nas redes sociais ou divulgar para um grupo de amigos. Se a informação vazar e o jornalista souber, queimamos o contato e é uma porta que se fecha para futuras pautas sobre seu negócio.

Por fim, mas não menos importante, quando prometemos enviar materiais ou uma informação, por mais simples que seja, devemos cumprir. O jornalista fica na expectativa de receber o material para finalizar sua apuração e quando isso não ocorre, é um laço de confiança que se quebra. Por isso, vale a pena seguir fielmente todas as dicas da sua equipe de PR para que a relação com a imprensa não se perca e seja a mais próspera possível.

*Juliana Gusmão é jornalista formada desde 2012 pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, com Pós-Graduação em Marketing e Comunicação Publicitária pela Faculdade Cásper Líbero. Com sete anos de experiência em Assessoria de Imprensa, já atuou na comunicação de empresas de diversos segmentos e atualmente é Head de Relacionamento na PiaR Comunicação.

A FORÇA DOS PEQUENOS

Por Renniê Paro

Branca de Neve - Disney - Mestre

Quando uma empresa contrata uma assessoria de imprensa, ela aposta que sua marca será bem trabalhada e, claro, que conseguirá um aumento na geração de leads. Outro desejo comum das empresas e startups é a veiculação de seus produtos ou serviços nos grandes veículos.

Quando falamos de tais meios de comunicação, podemos listar os top 5 de São Paulo, por exemplo, O Estado de S. Paulo, Folha de S. Paulo, Valor Econômico, Revista IstoÉ Dinheiro e Veja – isso tratando-se apenas de impressos de ampla circulação.

Porém, será que essa é a estratégia correta para a sua startup? Será que o público que consome seus produtos ou aposta em seus serviços tem o hábito de ler essas publicações? Fazer um exercício constante de definição das personas que são estratégicas para você é de suma importância para o sucesso do plano de comunicação.

Acredito que, de uma forma quase “natural”, os CEOs e fundadores de startups tendem a desejar os big hits, mas muitas vezes os pequenos portais ou sites especializados podem ser grandes parceiros estratégicos e verdadeiros geradores de leads realmente qualificados para a sua empresa.

Na minha opinião, a era do “só quero impressos” acabou e é preciso assumir, de uma vez por todas, a importância de veículos online e de nicho. O consumidor não quer mais um bombardeio de informações a todo momento. Ele quer receber somente informações sobre temas que tenham alguma relevância para ele, daí o sucesso de sites especializados em temas, como tecnologia, marketing digital, comportamento, entre outros.

Por isso repito, faça o exercício de identificar o comportamento de consumo de informação de seu público para, daí em diante, traçar em conjunto com sua equipe de PR, os melhores veículos para atingir e quais estratégias traçar.

*Renniê Paro é jornalista formada desde 2008 na Universidade Paulista, com pós graduação em Comunicação Organizacional na FMU. Com 10 anos de experiência em Assessoria de Imprensa, já atuou na comunicação de empresas de diversos segmentos e atualmente é Coordenadora de Comunicação na PiaR Comunicação.