2022: O ano em que as empresas estão mudando seus espaços e a forma de lidar com o colaborador

Confira as principais inovações que estão fazendo sucesso e se popularizaram no ambiente corporativo

O mundo mudou e as empresas precisam repensar seus espaços para ter uma volta ao trabalho segura e produtiva. A gestão do espaço faz parte da rotina e do planejamento no mundo dos negócios, por isso empresas buscam cada vez mais soluções que acompanhem as mudanças nos escritórios, trazendo mais flexibilidade e agilidade, sobretudo neste momento de adaptação.

Diante deste cenário, o que muitas têm colocado no papel é o custo para retomar os espaços em que os colaboradores voltarão a ocupar.  Pamela Paz, CEO da John Richard, maior empresa de aluguel de móveis por assinatura para escritórios e residências do Brasil, explica que diversas empresas têm lidado com essa retomada de forma madura. “As empresas e os colaboradores saíram diferentes dessa pandemia. As necessidades e desafios mudaram e aprendemos novas maneiras de trabalhar. Diante disso as empresas precisam repensar os seus espaços e formas de trabalho, buscando mais qualidade de vida e produtividade para os colaboradores, além de flexibilidade e resiliência para seus negócios”, explica.

A executiva listou algumas inovações que têm feito sucesso e se popularizaram no ambiente corporativo, confira:

Evolução dos Benefícios

A pandemia e, consequentemente, o trabalho híbrido fez com que as empresas repensassem os benefícios oferecidos aos colaboradores. Isto é, ao passo que as organizações flexibilizam a forma de trabalho possibilitando que se trabalhe um ou mais dias em casa, é necessário oferecer condições seguras e confortáveis que respeitem as normas de saúde e ergonomia para o funcionário, por exemplo.

O Work.in é uma solução que aos poucos está se consolidando. A partir da assinatura de móveis e acessórios ergonômicos adequados às orientações do Ministério Público e do Trabalho para o home office, o funcionário tem comodidade e um ambiente adequado como benefício. “A assinatura do benefício de móveis para home office além de aumentar o conforto, a saúde e a segurança do trabalhador, é uma maneira inteligente e sustentável. Os móveis alugados podem ser realocados em caso de desligamento ou até mesmo reconfigurados de acordo com as novas necessidades, além de minimizar as preocupações com a gestão desses ativos”, destaca Pamela Paz.

Flexibilidade

Inúmeras pesquisas destacam que o modelo de trabalho híbrido é a grande tendência e desejo dos colaboradores. As empresas que conseguirem implementar este modelo, desde que seja organizado e produtivo, sairão na frente em relação à atração e retenção de talentos. 

De acordo com um levantamento da Envoy, fabricante de artigos de segurança para o local de trabalho, os profissionais querem flexibilidade. Dos mil profissionais entrevistados, 50% revelaram que na impossibilidade do trabalho de forma remota, procurariam outro emprego.

Para a CEO, ter flexibilidade para readequar a estrutura da empresa na velocidade que as mudanças acontecem é um dos benefícios do aluguel mais pertinentes neste novo normal.

Assinatura de móveis corporativos

Expandir ou reduzir ambientes corporativos com agilidade e lidar com as inúmeras demandas do home office são questões facilmente solucionadas com o modelo de assinatura de móveis corporativo. O investimento na compra de móveis é um gasto cíclico, que envolve além do mobiliário, logística, energia e tempo.

A assinatura acompanha as constantes fases de expansão e redução de pessoas e espaços vivenciados nas empresas ao longo do ano. “Neste momento em que os executivos estão repensando seus espaços, focando em menos mesas e mais descompressão, visando o quanto a experiência do funcionário impacta positivamente na retenção dos talentos e, principalmente, na produtividade do mesmo, o modelo de assinatura é visto como ideal. Queremos espaços mais plurais, a partir de soluções inteligentes, cômodas e econômicas, de acordo com os diferentes modelos de negócios”, conclui a CEO.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.